Home > Centro de Conhecimento > EMPREENDER E INOVAR, DUAS FACES DA MESMA MOEDA

08-05-2017

EMPREENDER E INOVAR, DUAS FACES DA MESMA MOEDA

Tecnologia


Inovação e empreendedorismo são duas faces da mesma moeda do desenvolvimento social. Os decisores políticos têm nas ferramentas tecnológicas um poderoso aliado, pois permitem conhecer melhor os problemas e, assim, tomarem melhores decisões...


Inovação e empreendedorismo social são iniciativas que resolvem problemas sociais/ambientais negligenciados com elevado potencial de transformação positiva na sociedade, desafiando a visão tradicional e utilizando modelos de negócio inovadores com potencial de crescerem e/ou se replicarem noutro local geográfico. O essencial da definição destes dois fatores combinados pode ser encontrada no portal do programa "Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social", cujo objetivo é o de mapear iniciativas de elevado potencial de empreendedorismo social em três regiões do país (Norte, Alentejo e Centro).

Para levar a cabo este desiderato, várias entidades juntaram vontades: o IES - Social Business School e o IPAV - Instituto Padre António Vieira, que desenvolveram o projeto; a Fundação Calouste Gulbenkian, a Fundação EDP e o Programa Operacional de Competitividade - Compete , que se envolveram financeiramente. O projeto tem como parceiros nacionais o IAPMEI - Agência para a Competitividade e Inovação e a RHmais; como parceiros internacionais a SIX - Social Innovation Exchange e o Euclid Network .

Sendo este um projeto de pesquisa, que localiza iniciativas inovadoras e de criação de conhecimento, é consequência natural que esse mapeamento seja efetuado através de "uma metodologia de proximidade com as comunidades locais [?], apostando na comunicação e partilha do conhecimento gerado, através de ferramentas online, produção de vídeos e livro e organização de eventos nacionais e internacionais".

O "Mapa de Inovação e Empreendedorismo Social" junta numa só plataforma online entidades nacionais e internacionais de pesquisa de iniciativas de elevado potencial de empreendedorismo social.

Um dos exemplos de sucesso de empreendedorismo em conexão com a inovação social é o projeto "O nosso Km2" . "Se cada um de nós conseguir tratar do quilómetro quadrado que está à sua volta, então conseguiremos tratar do país todo", explica Luísa Valle, diretora do Programa de Desenvolvimento Humano FCG . Com este foco, foi levado ao terreno o projeto "Marketplace O Nosso Km2" , destinado a instituições sem fins lucrativos e a pequenas e médias empresas de todo o país, com os apoios da Fundação Montepio e da Fundação Calouste Gulbenkian.

O projeto surgiu para estimular ainda mais o desenvolvimento de redes de proximidade e de vizinhança, encontrar respostas para os problemas sociais que afetam a população mais próxima das instalações da Fundação Calouste Gulbenkian e incentivar outras empresas e instituições a colaborarem juntas. Um sinal claro de que inovação social e empreendedorismo podem andar de mãos dadas em prol do serviço aos cidadãos. Isto tendo em conta que inovação social consiste em criar novas estruturas sociais que permitam reformular questões ligadas à justiça, educação, protecção do ambiente, sustentabilidade ou desenvolvimento comunitário, de modo a que possam surgir novas soluções.

O projeto "artists at war" acolhe trabalhos multimédia de artistas de todo o mundo, com atualizações em tempo real, com o objetivo de denunciar crimes contra a Humanidade e em particular o drama dos refugiados.

As ferramentas tecnológicas representam aqui um papel muito importante, na medida em que são facilitadoras de comunicação e de troca de conhecimento. Olhemos o caso do projeto cultural e social "artists at war" - , cujo propósito é o de unir artistas de todo o mundo com trabalhos multimédia num portal único, para denunciar os atos de guerra cometidos contra a Humanidade. Com atualizações em tempo real dos trabalhos que para lá são enviados, o "artists at war" vai atualizando informações acerca, por exemplo, dos movimentos de refugiados que vão sucedendo um pouco por todo o mundo...

Inovação SocialO empreendedorismo e a inovação social permitem, ainda, e no caso dos agentes com responsabilidades públicas, ativar as respetivas políticas de Responsabilidade Social e aumentar a sua influência junto dos seus cidadãos.

No caso das empresas, existem diversos programas de incentivo à criação de projetos de empreendedorismo, como é o caso do Euclid Network , financiado pela Comissão Europeia, através do Programa Europa pelos Cidadãos 2014-20. O Euclid Network tem como parceiros a sociedade civil, as empresas de inserção social, universidades e politécnicos, investidores sociais, Organizações Não Governamentais e empresas de caráter social - "todos a trabalhar juntos para capacitar a sociedade civil e as empresas sociais para impulsionar mudanças positivas".

O Euclid Network é um programa de incentivo a projetos de empreendedorismo financiado pela Comissão Europeia e que reúne elementos da sociedade civil, universidades, investidores sociais, ONG e empresas de caráter social.

O programa Innosi, por exemplo, é destinado aos investidores sociais para projetos de promoção do bem-estar social. Esta "rede" Euclid assegura a coordenação das trocas de informação entre todos os parceiros, concretamente de investigadores e decisores políticos. Um dos inúmeros eventos realizados pelo Euclid Network analisou o papel da sociedade civil e das empresas de caráter social na investigação e inovação responsável, em conexão com as tecnologias de informação e comunicação O "Tech for Impact" reuniu num só fórum a sociedade civil e investigadores, decisores políticos e representantes da indústria, num debate exploratório acerca de como a ciência e a tecnologia podem ser utilizados para encontrar soluções inovadoras para os desafios sociais mais comuns.

A PARADIGMSHIFT tem disponíveis no mercado soluções tecnológicas inovadoras destinadas a proporcionar a participação efetiva da sociedade civil no processo de decisão política, como são os casos do MUNICIPIO360 e da FREGUESIA360 . A análise deste e de outros temas relacionados pode ainda ser consultada no texto "Mais Cidadania de Forma Divertida" .

Partilha

Contacte-nos 218 214 932

Envie-nos uma mensagem